17

O que sou, Onde vou, O que deixo… Como vou, voo e olho…

asa-delta“Um dia um estudante veio à minha casa e me perguntou:

-

- Como o senhor planejou/preparou a sua vida para o senhor chegar onde chegou? Qual é o mapa do caminho?

-

Eu respondi que cheguei aonde cheguei porque tudo o que planejei deu errado. É a pura verdade.”

Rubem Alves

Axé! Axééé pessoal… De muitas palavras, de muitos textos, de muitos olhares e aprendizados escolhi  esse pequeno diálogo de Rubem Alves para homenageá-lo. Difícil! Tarefa muito difícil essa, porém impossível de não Continue lendo “O que sou, Onde vou, O que deixo… Como vou, voo e olho…” »

17

Aquilo que faz bem. Aquilo que ME faz bem.

maos-de-terraAxééé pessoal… Além da saudade e do trabalho, como é bom estar por aqui novamente. Como é bom estar com saudades, com muito trabalho e sentindo o aquecimento do espírito através de boas palavras, boas vibrações, bons olhos e boas ações.

Palavras que são tão importantes para a religião Umbanda que se fundamenta pela tradição da comunicação, da oralidade. Vibrações que transfiguram qualquer situação. Olhos que transmitem e atestam a presença de Deus “Nós não vemos o que vemos, nós vemos o que somos. Só veem as belezas do mundo, aqueles que têm belezas dentro de si” (Marli Savelli). E ações que materializam o Amor, expõem o Saber e libertam o Ser.

Tudo muito Umbanda, Uma Banda por todas as Bandas ou todas as Bandas por Um na segurança do Maior, do Além, do Sagrado e da Certeza no incerto da vida.

E diante de tanta Umbanda reafirmo que, mais Continue lendo “Aquilo que faz bem. Aquilo que ME faz bem.” »

15

Tanto nos ensinaram e ensinam???

2b74be52b8b68afdc9ba228f485c71bcAxé pessoal! Passamos de uma semana, precisamente 9 dias das festas e comemorações aos Pretos-Velhos. Creio que os terreiros ficaram mais floridos, cheirosos e singelos, creio também que muitas rezas foram proferidas e muitas cruzas concedidas cheias de bênçãos, velas, folhas e cachimbos.

Tudo muito elevado, divino e emocionante. Tudo com muitos abraços, sorrisos, esperança e bondade espalhados entre os médiuns, o Alto e o próximo.

Hoje, com as ruas e pessoas envoltas por tantos desajustes, com tantas necessidades e correria, fico pensando se tudo aquilo, se todas aquelas energias, bênçãos, movimentos e arrepios ainda são lembrados? Se os ensinamentos e as presenças dos Pretos-Velhos ainda são vivificadas e lembradas? E se realmente transformamos nossa forma de ser, pensar, sentir e desejar como  Eles – nossos vovôs e vovós da Umbanda – tanto nos ensinaram e ensinam???

Tão poucos dias, não é? Mas parece Continue lendo “Tanto nos ensinaram e ensinam???” »

14

Embala ‘Negô’, embala ‘Preta’, respeita ‘fio’…

Tributo à mãe preta Emídio Marques

Tributo à mãe preta
Emídio Marques

Hoje, 13 DE MAIO, é dia de festa. Dia da lei Áurea, da abolição da escravatura, de esperança. É DIA DE PRETO VELHO!!!

Pai Velho, Mãe Preta, Vó, Vô, Tia, Negô, Preto, Preto Velho que tanto representam para nós umbandistas. Falange de espíritos elevados com alto grau magístico, com intensa influência emocional e de múltiplas expressões.

Na magia, mironga e macumba estalam dedos, pitam cachimbos, batem folhas, enrolam fumos, firmam ponteiros, carregam terços, cruzam dedos, figas, fitas e fios de maneira singular.

Rezadores evocam, na vela acessa pontuam, determinam, modificam e permanecem na Fé enraizando-se na terra e Terra, remota e contemporânea…

E Benzem!

E falam. E ensinam. E exemplificam. E garantem: “é assim fio…”

Na emoção oferecem Continue lendo “Embala ‘Negô’, embala ‘Preta’, respeita ‘fio’…” »

6

EXÉRCITO VERMELHO O QUE É QUE VOCÊ FAZ?

BLOG 1

blog 4

Mãe, estou aqui em nome de seus filhos para lhe homenagear. Diante do que nós aprendemos durante esses anos, se realmente quisermos atingir nosso objetivo, devemos saudar os Orixás e não apenas com festas ou rezas, devemos conhecer e reconhecer o Orixá, devemos senti-lo, se-lo, vivê-lo, compreendê-lo, reconhece-lo em nossas vidas. Assim, não vimos melhor forma de homenageá-la que não fosse mostrarmos o que VOCÊ nos ensinou sobre Ele, o que VOCÊ nos mostrou sobre as formas que Ele se apresenta e age em nossas vidas. Foi você que nos fez e ainda nos faz enxergar a cada dia que não existe bom ou ruim, bem ou mal, certo ou errado; existe sagrado, fundamento, fé, emoção, arrepio, sentimento…. Ou seja, não existe Ogum bonzinho ou Ogum malzinho, existe OGUM, O ORIXÁ QUE CORTA A CABEÇA, QUE MATA 5 PARA SUSTENTAR 500.

Esse são alguns de seus filhos falando sobre os “seus” Oguns… Aqueles que você apresentou…

Continue lendo “EXÉRCITO VERMELHO O QUE É QUE VOCÊ FAZ?” »

8

MAIS e MAIS… como Ogum e aquelas sem saúde mental

Desiguadade_SocialAhhh… que encantador!!!… Já estamos em fessstaaa…. Sim, já vi alguns braços com esparadrapos, já recebi muitos e-mails confirmando e falando da emoção que foi fazer a doação de sangue intencionado ao Orixá Ogum em meio ao nosso movimento - MOVIMENTO NACIONAL UMBANDISTA DE DOAÇÃO DE SANGUE – de 19 a 26 de abril 2014. 

(difícil agradecer o empenho, a participação e a doação… difícil retribuir o carinho de todos… assim, 
Rogo que Ogum retribua por mim e que em forma de agradecimento, abençoe cada passo.) 
 

Sim, já estou, estamos nos preparando Continue lendo “MAIS e MAIS… como Ogum e aquelas sem saúde mental” »

12

Pensar é coisa muito perigosa…

Corupá Ano novo. 125 (1)Sim, tenho plena consciência que muito não sei. Também tenho plena consciência que o saber, ou melhor, que o MELHOR SABER É e DEVE SER constante, maleável e totalmente intrigante. Saber através do óbvio, do preto no branco, da louça e giz, da fragmentação, do cabresto, do cômodo assento, do corpo escorado é – para mim – uma inadequação com o Ser, com o Corpo e com a Mente, principalmente quando penso em crianças e umbandistas.

Por que crianças? POR QUE umbandistas???

Porque entendo que ambos Continue lendo “Pensar é coisa muito perigosa…” »

9

DIAS ABENÇOADOS

-
-
 
 
“Uma fé que não dá fruto nas obras não é fé”
Papa Francisco

-

 

Axééé pessoal, Ogum está em ronda! Ogum está FIRMADO!!!

Firmado para mais uma vez consolidarmos o MOVIMENTO NACIONAL UMBANDISTA DE DOAÇÃO DE SANGUE idealizado por nós da Umbanda Carismática para toda a Umbanda (independente da vertente) e para todas as pessoas.

Pelo segundo ano reafirmo que esse movimento é diferente, é simples, é gostoso, é emocionante e principalmente, tem grande poder de transformação. Ele salva vidas, esquenta o espírito e proporciona sorrisos. Sorrisos para quem recebe e para quem doa. Aliás, a doação de sangue dá esperança, atinge a todos indistintamente e supre as necessidades básicas de qualquer indivíduo assim como vejo e sinto a Umbanda.

Um movimento reconhecido muito mais pelo Astral do que por qualquer outro órgão. Um movimento íntimo, pessoal e silencioso que em nada incentiva a vaidade, o poder ou o egoísmo. Um movimento e ato que, para mim, traduz parte da Umbanda e de Ogum ao esticarmos o braço permitindo que a veia salte a fim de que o sangue quente e vermelho corra.

-
“Ogum é a força incontrolável, o poder dominador.
Patriarca dos exércitos, dono das armas, do movimento e do choque. Ama o desafio.
Não desiste, luta!
Ogum é o poder do sangue que corre nas veias.”

-

Um movimento de uma semana (19 a 26 de abril) em que peço: vá, vista-se de Branco, exponha seus fios de contas, reze e procure um posto de coleta de sangue para fazer sua doação de sangue.

É Ogum que está em ronda! É a Umbanda que – vestida e ativa – prova sua capacidade de fazer mais por Mais.

Sim, a Umbanda também é caridade, doação, capacidade de compartilhar, amor, fazer o bem seja lá a quem – a qualquer hora e em qualquer lugar. A Umbanda é Atitude. Simplicidade. Força. Realização. É uma religião que supre toda e qualquer necessidade, física, mental e espiritual. A Umbanda é uma religião para aqueles que pensam e fazem DIFERENTE. Para aqueles que buscam o DIFERENCIAL, para aqueles que FAZEM A DIFERENÇA!

Siiiimmmm…. Vamos lá pessoal, vamos fazer algo MAIOR, algo MELHOR, algo FORTE, algo EXPRESSIVO e que realmente PROMOVA O BEM.

Vamos fazer MAIS! Vamos compartilhar, divulgar, agitar, mobilizar o MOVIMENTO NACIONAL UMBANDISTA DE DOAÇÃO DE SANGUE a fim de favorecer nossa religião, nosso Orixá, nossa conduta e a VIDA.

SERÁ SÓ UMA SEMANA.

SERÃO SÓ SETE DIAS – 19 A 26 DE ABRIL.

SERÃO DIAS ABENÇOADOS que podem transformar a vida de muitas pessoas se nos destinarmos A JUNTOS, aumentarmos os níveis de sangue nos hemocentros desse Brasil tão religioso, tão umbandista, tão espiritualizado e tão humano.

SETE DIAS coroados por Ogum, pela coragem e pelo MILAGRE.

Vamos! Acredite, acredite você também!

Vamos compartilhar!!!

Vamos lá arregaçar as mangassssss……

-
Ogum, o guerreiro filho de Odùduà e rei de Ifé que conquista a cidade de Irê assumindo o título de Oni (senhor ou rei). Em torno de Irê havia sete aldeias, Ogum assume todas e se divide em  sete partes para suprir, compor, prover cada aldeia conquistada.
Nada, ninguém, nenhuma de suas conquistas fica sem seu zelo, ronda e ação.
Patacuri Ogum!!!
-
 

_______

12

Como Alice escorregando na toca do coelho

matrixÉ próprio do ser humano distinguir o bem e o bom do mal e mau. É “importante” para o Homem encontrar um culpado para aliviar e até justificar seu próprio desajuste, incompreensão e desejo, assim como, para materializar aquilo que é imaterial, irracional e injustificável.

Diabo e Exu são os artistas principais nessas cenas, inclusive muitas vezes são confundidos, não é mesmo?

Aí ouvimos discursos e nos encravam doutrinas contextualizadas através de frases do tipo: Exu faz o mal; Exu é um espírito caído; Exu precisa de luz, precisa evoluir… e assim por diante.

Pois bem, o filósofo contemporâneo espanhol Fernando Savater diz que “o que nos convém costumamos dizer que é “bom”, pois nos cai bem; outras, em compensação, não nos convêm, caem-nos muito mal, e o que não nos convém dizemos que é “mau”.

Já o filósofo alemão Leibniz diz que ‘o direito’ deve provir de três princípios morais básicos: Não prejudicar ninguém; Atribuir a cada um o que lhe é devido; Viver honestamente.

E eu afirmo que Continue lendo “Como Alice escorregando na toca do coelho” »
10

Ainda em viagem, na reza e na preparação…

Coruja-voando-485x728Axé pessoal. Muitas coisas têm acontecido por esses dias – dias de danças, fantasias, passeios, cantos, carnaval, torcidas, homenagens, Mulheres, reflexões, reflexos. Dias de escolhas, decisões, passeios, viagens, de ficar em casa. São dias e mais dias cheios de movimentos, sedentarismos….. Enfim, dias cheios de possibilidades que dependem apenas de nós, e que por tanto, vale estarmos alertas.

Alertas às nossas ações e escolhas, às coerências e conformidades. Alertas a uma vida mais feliz capaz de comemorar a cada instante as oportunidades de Ser e Ter. Alertas ao estado de espírito, à capacidade de sorrir e REZAR…  Isso mesmo! Devemos estar alertas as nossas capacidades de rezar.

Creio que estamos sempre ouvindo conselhos estimulando a reza e que normalmente Continue lendo “Ainda em viagem, na reza e na preparação…” »

Página 1 de 3812345102030...Última »